PRAZO IMPOSTO DE RENDA 2019 → CONFIRA O PRAZO DE ENTREGA

Todos os contribuintes que obtiveram ganhos anuais acima do teto estipulado pela Receita Federal devem fazer sua declaração de imposto de renda, com base no prazo imposto de renda 2019.

O imposto de renda (IR) foi criado no dia 31 de dezembro do ano de 1922, tendo como seus objetivos apoiar o crescimento e desenvolvimento das áreas da saúde, educação e desenvolvimento urbano por meio da lei de número 4.625, sendo ele o maior tributo de arrecadação do governo federal dês do ano de 1979, seguindo aos princípios das leis fiscais, tendo um único parágrafo e oito incisos.

Neste artigo vamos tirar algumas dúvidas sobre o prazo, cronograma, quem deve declarar e como declarar seu imposto de renda. Seguindo nossas dicas, você contribuinte não terá duvidas e nem cairá na malha fina.

Qual o Prazo Imposto de Renda 2019?

A receita federal estima receber mais de 28,8 milhões de declarações de imposto de renda 2019. A Receita federal a partir do próximo ano pedirá mais informações sobre bens declarados. Também será obrigatório o CPF de todos os dependentes mesmo aqueles com menos de oito anos.

PRAZO IMPOSTO DE RENDA 2019

A declaração começou a ser entregue no dia primeiro de março e terá seu fim no dia 30 de abril. Se o prazo imposto de renda passar o contribuinte terá que pagar multa de 1% sobre o imposto devido ao mês, tendo seu menor valor de R$165,74 e máximo de 20% do imposto devido.

Cronograma do Imposto de Renda 2019

PRAZO IMPOSTO DE RENDA 2019

Quem declarou seu imposto de renda e tem algum valor a receber, as restituições serão pagas de acordo com as datas que o contribuinte entregar sua declaração, tendo prioridades aqueles com idade igual ou superior a 60 anos e quem possui necessidades especiais.

O início da restituição começa no mês de junho e o último no mês de dezembro tendo assim sete lotes a serem pagos todos eles publicados no Diário Oficial da União.

Tendo suas datas já definidas do primeiro ao ultimo lote que são elas:

  • 1° lote 16 de junho;
  • 2° lote 17 de julho;
  • 3° lote 15 de agosto;
  • 4° lote 15 de setembro;
  • 5° lote 16 de outubro;
  • 6° lote 16 de novembro;
  • 7° lote dia 15 de dezembro.

Quem deve Declarar Imposto de Renda 2019

Deve declarar imposto de renda aqueles que atenderem o seguintes critérios:


01. Trabalhadores formais, aposentados e pensionistas com renda anual acima do teto estipulado pela Receita Federal que é de R$28.550,70, ou seja, que tenha salário mensal acima de R$1,903,70.


02. Trabalhadores rurais com ganhos brutos anuais acima do teto estipulado pela receita federal que é de R$128.308,50.


03. É obrigatório a todos os contribuintes que possuam bens com valor acima de R$300.000,00.


04. Para todos que tenham alienações de bens e direitos com taxação de imposto tributável e que tenha investimentos em bolsas de valores ou mercados.


05. Para estrangeiros que vieram morar no Brasil em qualquer data do ano base.


Declaração de Imposto de Renda 2019

Os cidadãos contam com duas opções para realizar a declaração do IR. A primeira e mais simples é através de um contador, profissional em realizar as declarações de centenas de pessoas e empresas. A segunda opção é baixar o programa no site da Receita Federal e realizar a declaração de forma manual.

Caso você tenha escolhido a segunda alternativa, fizemos um passo a passo bem simples de ser executado:

PRAZO IMPOSTO DE RENDA 2019

Está gostando do conteúdo? Deixe seu like nas rede sociais ao lado e ajude o site a crescer! Caso tenha alguma dúvida, basta comentar nas nossas redes sociais.

Passo 1: Entre na página do programa no site da Receita Federal para baixar o software www.idg.receita.fazenda.gov.br,após concluir o download, instale o programa no computador. Será por meio desse programa que será possível realizar a declaração manualmente.


Passo 2: Execute o programa e preencha todos os campos com as informações necessárias. São muitas páginas que deverão ser preenchidas, por isso é necessário prestar atenção e preencher cada informação com a atenção redobrada. Esteja com todos os seus documentos e dos dependentes em mãos para poupar tempo.


Passo 3: Depois de preencher todos os campos, o contribuinte deverá enviar a sua declaração de imposto de renda para a Receita Federal utilizando o próprio programa.


Passo 4: A dica é realizar a impressão da declaração e o comprovante do IR para poder comprovar que fez a declaração (caso seja necessário).


Se tudo estiver certo, então não haverá nenhum problema. Caso o contribuinte tenha inserido alguma informação errada, há chances do seu nome cair na malha filha e sofrer uma multa por causa do atraso/falta de declaração. A dica é não se arriscar!

O prazo para entrega do imposto de renda 2019 começa no início de Março e se estende até o final de Abril, especificamente no último dia do mês.

Isenção IRPF

 Isenção IRPF 2019Abaixo citamos alguns requisitos que podem gerar a isenção do Imposto de Renda:

(01). Se a sua renda mensal, com os devidos descontos (INSS, dependentes, pensão alimentícia, entre outros), seja igual o menor que o valor de R$ 1.903,99.


(02). Se você tiver ganhos obtidos por meio de bolsas de estudo e de pesquisa acadêmica, desde que estejam descritas em critério de doação. Também é preciso que os resultados dos mesmos não representem vantagem para quem está doando, nem pode ser usado como contraprestação de serviços.


(03).  Benefícios como aposentadoria e pensão recebidas em decorrência de doenças graves como câncer, que impeçam o contribuinte de trabalhar, prêmio de seguro restituído e pecúlio recebido de Previdência Privada, no caso de morte ou invalidez permanente e aqueles que recebem benefícios pagos por previdência social e privada recebidos por deficientes mentais.


(04). Isenção de cobranças de impostos, os rendimentos de caderneta de poupança, lucro na alienação de bens ou direitos, desde que considerados de pequeno valor e as indenizações.


(05). Resgate de conta do FGTS, Está isento de tributação as indenizações, doações e heranças, bonificações em ações, lucros e dividendos entregues aos sócios de empresa brasileira.


(06). Lucro na venda de imóvel residencial para a aquisição de outro imóvel residencial, no prazo de até 180 dias da assinatura do contrato de venda.


(07). As diárias para pagamento de despesas de alimentação e hospedagem pagas para realizar trabalho, no caso de ser em local diferente da sede da empresa, inclusive exterior.


Restituição IRPF 2019

Depois que você envia a sua declaração para a Receita Federal IRPF, pode ser que receba alguma restituição. Isso acontece quando o cidadão paga um valor maior do que necessário para a Receita em forma de impostos.

RESTITUIÇÃO IRPF 2019

O próprio sistema do IR é responsável por fazer esse cálculo, e definir se há, ou não, um valor a ser restituído. Nem todas as pessoas têm direito a restituição!

No entanto, serviços com altas taxas de deduções, como é o caso das despesas médicas, costumam gerar valores a serem restituídos.


Agora que você está ciente das de como realizar os procedimentos em relação ao imposto, é importante ficar atento ao prazo, pois até para receber a instituição a data do pagamento tem influência.

Pois receberão nos primeiros lotes os contribuintes que realizaram a declaração logo no início do prazo. Ficou com alguma dúvida sobre o prazo imposto de renda 2019? Deixe um comentário!

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 4.6
Total de Votos: 7

PRAZO IMPOSTO DE RENDA 2019 → CONFIRA O PRAZO DE ENTREGA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *